Seaf

Clima e agricultura: produção além das adversidades

A força com que os fenômenos meteorológicos têm se manifestado, nos últimos anos, tem surpreendido e afetado a vida de quem tira do campo o seu sustento. A agricultura é a atividade econômica mais sensível a essas alterações climáticas bruscas, sendo os produtores familiares os mais vulneráveis aos revezes do tempo.  Para alertar a população para sobre essas descompensações atmosféricas, celebra-se, na data de 16 de março, o Dia Nacional da Conscientização sobre as Mudanças Climáticas.

R$ 1,4 bilhão em crédito para a agricultura familiar baiana

O Governo Federal vai destinar R$ 1,4 bilhão em crédito rural, com juros abaixo da inflação, para a agricultura familiar baiana na safra 2015/2016. O anúncio foi feito, nesta quinta-feira (13), pelo ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, em Salvador. O valor é 55% maior do que o contratado na safra passada (R$ 900 milhões). 

Os valores projetados para os estados são definidos de acordo com a série histórica de contratação de cada unidade federativa - volume total contratado por safra.

Mais proteção para quem produz

Agricultores familiares da região Sul - forte produtora de arroz, milho e trigo e a criação de bovinos, aves e suínos – têm sofrido as consequências das fortes chuvas que atingem a área nos últimos meses.

“Se não fosse o seguro da agricultura familiar, eu teria desistido de fazer o que mais gosto, que é plantar”, diz beneficiário da política

Depois de 12 anos dedicados à agricultura familiar no município gaúcho de Giruá, Jonas Jessé, 27 anos, quase deixou tudo para trás em 2013, quando uma forte geada causou prejuízos às plantações de trigo e soja da família.  Foi graças ao Seguro da Agricultura Familiar (Seaf), contratado com o Pronaf, que Jonas voltou atrás. “Se não fosse o seguro da agricultura familiar, eu teria desistido de fazer o que mais gosto, que é plantar.”

Números comprovam a importância do Nordeste para a agricultura familiar brasileira

O Dia do Nordestino é comemorado neste domingo (8). A importância da data vai além de homenagear esse povo tão representativo do Brasil, é uma oportunidade de analisar em que condições a população nordestina vive.

Você sabe quais as diferenças entre o SEAF e o Garantia-Safra?

Para proteger o agricultor familiar contra perdas nas lavouras causadas por eventos climáticos como seca e chuva excessiva, o Governo Federal criou o Garantia-Safra e o Seguro da Agricultura Familiar (SEAF).  Essas duas políticas da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead) oferecem proteção contra o clima, mas possuem grandes diferenças de público-alvo e condições de funcionamento.  É importante conhecer as características do programa, para evitar situações em que o usuário deixa de ser beneficiado por falta de informação o

Sead discute avanços do Plano Safra no Fórum de Crédito Rural em Chapecó (SC)

O Sistema de Cooperativas de Crédito Rural com Interação Solidária Cresol Central SC/RS realizou o IV Fórum do Crédito Rural nos dias 21 e 22 de junho, em Chapecó (SC). Com a participação de representantes da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), o evento reuniu cerca de 150 participantes entre diretores, coordenadores de crédito das cooperativas e parceiros do Sistema Cresol. 

Políticas que asseguram a produção estão contempladas no Plano Safra da Agricultura Familiar 2017/2020

Os agricultores familiares, em sua maioria, conseguem sua renda exclusivamente a partir da comercialização dos cultivos que produzem. Assim, garantir que o sustento dessas famílias continue existindo, mesmo em tempos em que não há colheita ou que aparecem outras dificuldades, é uma das missões da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead). Para isso o Garantia-Safra, o Programa de Garantia de Preços da Agricultura Familiar (PGPAF) e o Seguro da Agricultura Familiar (SEAF) existem.

Seguro da Agricultura Familiar cobre mais de 150 culturas

 

A partir deste ano, o Seguro da Agricultura Familiar (SEAF) poderá incluir todas as culturas financiadas no Pronaf. A medida foi aprovada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), em dezembro de 2016, por meio da Resolução 4547, e ampliou a cobertura de 50 para mais de 150 culturas. 

Páginas

Ir para o Topo