Crédito Rural

Pronaf completa 22 anos com números importantes para a história do Programa

O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), principal política pública brasileira de crédito para as unidades familiares de produção, completa 22 anos nesta quinta-feira (24).

Números comprovam a importância do Nordeste para a agricultura familiar brasileira

O Dia do Nordestino é comemorado neste domingo (8). A importância da data vai além de homenagear esse povo tão representativo do Brasil, é uma oportunidade de analisar em que condições a população nordestina vive.

Pronaf completa 22 anos com números importantes para a história do Programa

O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), principal política pública brasileira de crédito para as unidades familiares de produção, completa 22 anos nesta quinta-feira (24). Durante pouco mais de duas décadas, o valor total das operações do Programa atingiu R$200 bilhões. Os recursos foram aplicados na efetivação de cerca de 28,5 milhões de contratos, com inadimplência em torno de 1%. Esses números ressaltam a capilaridade de uma política consolidada, que se tornou referência em financiamento da agricultura familiar.

Sead destina R$36 milhões para reordenamento agrário em Goiás

A Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead) assinou, na tarde desta sexta-feira (11), um Termo de Compromisso, com o governo do estado de Goiás, que prevê a disponibilização de recursos financeiros na ordem de R$36 milhões, destinados a impulsionar as políticas de reordenamento agrário na região. Com a ação, a Sead visa mais agilidade na execução do Programa Nacional de Crédito Fundiário (PNCF) em Goiás, além do aumento do número de entregas de títulos de regularização fundiária aos agricultores familiares do estado.

Pronaf: 20 anos de apoio aos agricultores familiares

Em vinte anos, o crédito rural do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) transformou a realidade de mais de 2,6 milhões de unidades familiares de produção, gerou renda e potencializou o uso da mão de obra familiar. O crédito foi utilizado para a ampliação da área plantada e a utilização de tecnologias que propiciaram o aumento da produção e da produtividade de mais de 55 alimentos consumidos pelos brasileiros.

Páginas

Ir para o Topo