Notícias

Para que os agricultores familiares conheçam melhor os programas e políticas públicas destinados a eles, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Estado de São Paulo (Fetaesp) – em parceria com a Delegacia Federal do Desenvolvimento Agrário (DFDA-SP), com a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo (SAA) e outros órgãos da categoria – realiza hoje (30) o primeiro Encontro Regional de Agricultores.
A linha de financiamento de máquinas e equipamentos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) no Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) recebeu mais recursos do Governo Federal neste ano. O valor anual destinado para essa linha no início da safra, que era de R$ 870 milhões, foi elevado para R$ 936 milhões em janeiro. Neste mês de março, outra boa notícia, o valor anual passou para R$ 1.618 bi. Totalizando uma ampliação de R$ 748 milhões para atender a demanda dos agricultores familiares por investimentos e dinamismo do setor.
O café, uma das paixões do povo brasileiro, tem mudado a realidade da vida de centenas de trabalhadores rurais no estado de Rondônia. Os resultados são frutos das terras adquiridas com o Programa Nacional de Crédito Fundiário, da Secretaria Especial de Agricultura Familiar (Sead). Com os efeitos positivos, o estado já é visto como uma das referências na execução do programa.
A Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead) retomou o seu espaço nas discussões dos Grupos Técnicos da Câmara de Comércio Exterior (Camex). O órgão é integrante do Conselho de Governo da Presidência da República e tem por objetivo a formulação, adoção, implementação e coordenação de políticas e atividades relativas ao comércio exterior de bens e serviços.
Começa hoje (28) e vai até o dia 30 de março o Seminário de Inovação na Agricultura Familiar no Brasil, uma ação inédita no país, organizada pelo Programa Cooperativo para el Desarrollo Tecnológico Agroalimentario y Agroindustrial del Cone Sur (Procisur), da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead) e com a participação de várias unidades de pesquisa da Embrapa. 
Teve início na última segunda-feira (3) — e vai até 7 de abril — o prazo para entrega de propostas dos interessados em receber apoio à produção rural em forma de equipamentos agrícolas. Podem participar organizações da sociedade civil integradas por agricultores assentados da reforma agrária. Serão disponibilizadas 14 patrulhas agrícolas com diversos veículos e equipamentos cada uma.
Roseli Hermann, 52 anos, e Marilene Hermann, 50, são irmãs e a fraternidade permeia também no ambiente de trabalho. As agricultoras familiares vendem, juntas, maracujá, ovos caipiras, alface, mandioca, artesanatos; tudo produzido em Matupá, no Mato Grosso. O destino da produção é a Feira de Matupá, há 720km de Cuiabá-MT, para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae).
Embelezar o ambiente, servir como terapia e até mesmo ser uma fonte de renda. Foi isso que o artesanato proporcionou à agricultora familiar, Zuleide Laurindo de Souza, de 70 anos, que vive no assentamento Pequeno Ilha, em Planaltina (DF). O melhor é que a principal matéria-prima dessa artesã vem de uma planta que ela e os vizinhos têm no quintal: a bananeira. 
Matéria-prima do chocolate, o cacau é um fruto que marca a história do Brasil e tem seu dia reconhecido: 26 de março. Foi no sul da Bahia, que o cacaueiro, árvore também conhecida como “fruto de ouro”, encontrou as melhores condições de solo e clima para expandir-se. Assim, por muitos anos, as fazendas cacaueiras tiveram uma importante representação na economia nacional.
A comitiva da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead) esteve no estado do Amazonas, nesta sexta-feira (24), para apresentar políticas e projetos da pasta para temas como reforma agrária, regularização fundiária, titulações, Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), além de mostrar as ações em prol do desenvolvimento da agricultura familiar do Brasil.
 Agricultores familiares do Brasil terão a oportunidade de apresentar seus produtos na maior feira multissetorial do continente africano. O edital de chamada pública para a Saitex 2017 abre as inscrições de 25 de março a 23 de abril e irá selecionar até oito empreendimentos da agricultura familiar para participar do evento, que acontece entre os dias 25 e 27 de junho, em Johanesburgo, na África do Sul.
A Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário (Sead) lançou na manhã desta quinta-feira (23), a campanha #MulheresRurais, mulheres com direitos 2017. A ação é realizada em parceria com a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) e com a Reunião Especializada sobre Agricultura Familiar do Mercosul (REAF).
A capital do Brasil recebe, nesta quinta-feira (23), o último seminário que organiza o curso de Gestão em Cooperativismo para Dirigentes de Empreendimentos da Agricultura Familiar em todo o Brasil. Para desenvolver a formação, todas as cinco regiões foram incluídas na agenda no intuito de atender às demandas locais específicas. Agora foi a vez do Centro-Oeste debater a melhor forma de aplicação do projeto direcionado aos líderes de cooperativas.
Foi com versos sobre frutos da nossa terra, da poetisa Tita de Lima e Silva, que a Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário (Sead) lançou, na manhã desta quinta-feira (23), em Brasília, a campanha #MulheresRurais, mulheres com direitos.

Páginas

Ir para o Topo